And you just sing.

by - May 05, 2011

E a cada numero que eu apertava eu conseguia sentir meu coração cada vez mais forte. E a cada musica que passava eu voltava só pra o tempo não passar mais depressa. Ela sorria pra mim enquanto eu discava os numeros no telefone me achando uma maluca, eu sorri e continuei no telefone. Nem sempre sabemos o que dizer, nem sempre precisamos dizer, eu gosto de ouvir e pra mim, basta. Hoje eu ouvi a "nossa" musica muitas vezes, meu dia não foi lá um dos melhores, sabe. O dia começou aparentemente bem, até que me chamaram pra conversar, o sorriso sumiu, as bochechas rosas ficaram mais palidas que nunca, e a cada palavra que eu ouvia eu me sentia ainda pior. Depois de passar minutos ouvindo a mesma coisa e com as mesmas palavras eu voltei pra mesa com uma H2OH na mão pra fingir que estava tudo bem. E lá estava o que eu precisva: um sorriso. E toda vez que eu vejo eu quero mais e mais, eu poderia tirar centenas de fotos e eu sei que o sorriso ia ter milímetros de diferença mas eu ia querer mesmo assim. O dia passou rápido, e quando eu vi já estava na hora de ir embora, e mais uma vez algo me pedia pra ficar... e com toda certeza não era o Chico. Com a playlist aberta eu mal conseguia prestar atenção em outra coisa. "você tem que entrar na musica" eu disse. Então eu comecei a dançar com a Thamira no metrô e sem entender ela sorria, e eu também. Eu na verdade não estava ali, na verdade eu estava onde eu gostaria de estar. Foi então que no meio do caminho eu decidi que ia sim pra mais um dia de Faculdade. Lá eu recebi mais algumas decepções, mas nada que o dinheiro não resolva. Eu só queria ir pra casa, relaxar, tomar meu banho quente e temperar o bife porque eu simplesmente não aguento mais ver hamburger. Então eu fiz a janta, a salada de alface com tomate e fui jantar. A Hannah sempre me acompanha, sempre que pode. Ela adorou a parte do alface com tomate. Agora estou aqui, sentada tomando coragem pra ir até a porta desligar a luz pra poder dormir em paz. Como eu disse, aquela paz que eu tanto procuro, por enquanto eu só tenho em sonhos. Tudo bem, eu finjo ter paciência. Eu ainda me lembro dos dias de chuva, e de como eu desejei aquilo. Mas hoje eu prefiro estar no arco-iris, ele é colorido e me parece mais sincero do que a ingrata chuva que nos molha e destrói tudo. Sim, eu não esqueço que pra eu estar no arco-íris eu tenho que passar de novo pela chuva. Eu nunca vou me esquecer. Eu já fui as quatro estações em um dia só, tenha certeza: não é fácil.

Sitting here beside you,
But my heart's lost in New Orleans.

You May Also Like

0 comments

Obrigada pela visita :)